Tipos de feiras
Tipos de feiras

Lembrando-se que o sucesso na participação em um evento de negócios depende em grande parte, de um criterioso planejamento, é nele que também deve ser definido o tipo de feira que a empresa deve participar. De acordo com o SEBRAE esses são os principais tipos de feiras:

Feiras Setoriais ou Multissetoriais: São feiras grandes com ênfase em negócios e na parte técnica. Lançam tendências e produtos, e possuem grande potencial para atrair expositores e compradores, tanto nacionais, quanto internacionais. Normalmente são focadas no público de negócios.

Feiras Regionais: São feiras de médio porte, focadas não só no público de negócio, mas também no consumidor local. Este tipo de evento atrai compradores em potencial como lojistas, empresários e representantes, embora sejam abertos a todo público, mesclam negócios com a venda direta ao consumidor final.

Feiras microrregionais ou de consumo: São feiras pequenas, exclusivamente voltadas para o consumidor final local, visando o desenvolvimento e fortalecendo a economia da região.

Feiras técnicas ou de negócios: As feiras técnicas são voltadas para segmentos amplamente especializados, como na parte profissionalizante do empresário. Elas estimulam acordos comerciais e industriais, além de se tornarem um excelente espaço para realização de debates, palestras e mini cursos.

Feiras Internacionais: Não só dão abertura para novos mercados externos, mas também abrem espaço aos empreendedores de pequeno e médio porte, embora o cenário seja fortemente marcado pela concorrência e competitividade.

Apresentar a empresa de uma feira de forma desordenada pode ser prejudicial à imagem dela, pois para aproveitar melhor o investimento é necessário muita atenção e comprometimento de todos os envolvidos na ação.

Esse tipo de evento, normalmente promove o lançamento de muitos produtos, que podem não encontrar compradores de imediato, mas despertam muita curiosidade e interesse nos visitantes, que certamente efetivarão a compra quando a ideia amadurecer.

Alguns dos principais objetivos de uma feira que devem ser definidos e analisados com precisão e clareza:

• Promoção das vendas e captação de pedidos para faturamento e entrega posterior;

• Aproximação de potenciais clientes;

• Fortalecimento da relação com clientes;

• Promoção da marca no mercado;

• Lançamento de produtos;

• Reconhecimento e análise da concorrência.

• Expandir e diversificar canais de comercialização como representantes e franqueados.

• Intensificar a busca por parcerias.

Por fim, é muito importante seguir as coordenadas especificadas acima, mas é indispensável dar prioridade a um objetivo, e nortear seu evento baseado nele.