SEBRAE lista quatro pontos sobre a participação em eventos

A participação em feiras e eventos de negócios nacionais ou internacionais pode resultar em uma ótima estratégia para a empresa se manter atualizada sobre novas tendências e estratégias comerciais e ainda para se destacar frente a concorrência e alcançar, definitivamente, seu público-alvo.
Como já foi citado em outros artigos, além dos negócios que podem ser fechados durante o evento que a empresa, muitas outras negociações podem ocorrer após o encerramento da feira.
Para contextualizar as vantagens que uma feira de negócios pode propiciar, o SEBRAE classificou os quatro pontos mais importantes para que uma empresa se decida sobre a participação em um evento:
Concentração de público: grande quantidade de pessoas com interesses em comum estão presentes no mesmo local. Fatalmente seus produtos e serviços serão vistos por pessoas que possam se tornar clientes qualitativos.
Avaliação de produto: feiras e eventos são os termômetros que indicam pontos negativos e positivos do que sua empresa apresenta no estande. Se o interesse pelo público foi negativo, é possível realizar estratégias de ajustes para reverter a situação, por exemplo.
Novos mercados: geralmente, as feiras contam com vários empresários com interesses de fechar novas parcerias. Também há novas empresas surgindo que aproveitam a concentração das feiras para fechar contratos com novos fornecedores, por exemplo.
Visão estratégica: muito além de expor sua marca, a presença de concorrentes em um mesmo local proporciona numa estratégia para verificar como o mercado está se comportando.