CAU/BR
O CAU

O CAU/BR – Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil e os Conselhos de Arquitetura e Urbanismo dos Estados e do Distrito Federal – CAU/UF foram criados com a Lei nº 12.378 de 31 de dezembro de 2010, que regulamenta o exercício da Arquitetura e Urbanismo no país.

A criação dele representa uma conquista para a categoria, pois significa maior autonomia e representatividade para a profissão. Ele tem a função de orientar, disciplinar e fiscalizar o exercício da profissão de arquitetura e urbanismo.

Toda a montadora de estande necessita ter um responsável técnico, seja engenheiro ou arquiteto. O estande é um tipo de construção que envolve criatividade e comunicação porque está voltado para a venda, comercialização, propaganda e divulgação do produto.

Toda a estrutura que envolve uma montagem necessita de um responsável técnico e, muitas vezes, um estande chega a ser maior do que uma construção convencional feita de alvenaria.

Há uma grande responsabilidade na construção de uma estrutura. Até a quantidade de energia elétrica é muitas vezes maior do que se usa em uma estrutura comum, então é realmente necessário que um arquiteto ou engenheiro responda pela obra. O CAU, com base na lei federal n. 12.378, engloba essa instalação como arquitetura de interiores que contempla a montagem de estruturas internas.

A ideia de criação de um conselho próprio é uma luta dos arquitetos há mais de 50 anos e o principal objetivo da mudança não está apenas no fortalecimento da profissão: Um conselho separado traz para a sociedade a garantia de ter a prestação de um serviço de qualidade por um profissional devidamente habilitado.

Uma das principais mudanças é que todas as atribuições dos arquitetos e urbanistas, que antes eram através de resolução, agora são garantidas por força de lei.

Todos os profissionais de arquitetura e urbanismo devem migrar do CREA para o O número atual do CREA estará na nova carteira, como uma referência, para que os profissionais não precisem mudar uma série de outros documentos. E haverá ainda o número novo, do registro no CAU.

Essa mudança é obrigatória e os prazos devem ser consultados pelos profissionais. Para mais informações acesse o site do CAU/BR http://www.caubr.gov.br/ ou entre em contato com o conselho do seu estado ou Distrito Federal.