Adequando-se à proposta da feira de negócios

Ao participar de uma feira de negócio alguns itens devem estar em pauta: é preciso saber se o produto ou serviço exposto, que será oferecido, está compatível com o que há no mercado, e se a sua produção será capaz de atender a demanda gerada na feira.
A preocupação central do expositor não deve ser, exclusivamente, tentar vender de tudo, a todo mundo, a todo custo, e sim, atender com eficiência os desejos de seus clientes, adequando-se a determinados ritmos de vida, preocupações sociais, hábitos e formas de consumo.
O seu estande é o espaço da sua empresa na feira de negócios. Ele deve ser muito mais que um local de compras e de negócios: ele precisa chamar a atenção como um ambiente receptivo, onde o visitante e potencial cliente sinta-se a vontade para interagir, questionar e se adaptar ao ambiente. Além de ser atraente e apresentar novidades, o estande deve ser uma área convidativa, que ofereça conforto.
A localização do estande dentro da feira não é de grande importância, já que a maioria dos visitantes percorre toda a feira, mas deve atrair os olhares e transmitir informações imediatas.
O investimento total no estande vai depender muito dos objetivos e disponibilidades financeiras do expositor e dos objetivos e potencialidades da feira. Porém, a participação na feira deve ser sempre encarada como um investimento capaz de render frutos a curto e longo prazo. Por isso é tão importante para a empresa adequar-se à proposta da feira de negócios.